Documentários que amamos - parte I

A minha relação com docs começou mais profundamente quando eu decidi fazer uma especialização sobre o assunto em 2014. Até ali, eu achava que documentários eram meio chatos e que tratavam de assuntos que a gente via "todo dia" nos telejornais, só que com mais tempo. Logo tinha uma certa restrição sobre, mas uma das coisas mais bacanas sobre o conhecimento é que a gente se surpreende com o que aprende, e o que encontra no caminho, de modo que acabei percebendo que documentários podem ser tão diversificados quanto filmes ficcionais, assim como podem abordar as mais variadas histórias, sejam elas de um personagem específico, um fato, ou mesmo sobre um sentimento. 
Nossa, isso realmente tá interessante!

Caçando pelo Netflix, eu acabei descobrindo títulos muito interessantes, alguns até que ganharam prêmios, como o Oscar, Cannes, Berlin e É tudo verdade!
Por isso, decidi fazer uma série aqui no Mesa, com vários docs, facilmente encontrados, de diversos cantos do mundo! 
Vamos lá?

05 - To Be a Miss


Sobre o que é? O documentário de Edward Ellis, Flor Salcedo e Aaron Woolf explora a indústria de misses da Venezuela, desde a sua história, como se mantém e ainda acompanha três moças que tem o sonho de representarem o país em concursos de beleza mundo a fora. 
O que se destaca? Assistir a esse doc veio de um interesse particular que eu tenho de concursos de misses, especialmente o Miss Universo, porque sempre acreditei que a miss escolhida é sempre uma forma da gente vê o que está acontecendo no mundo, ou seja, que é uma decisão bastante política, no entanto essa minha hipótese sempre batia de frente com a quantidade absurda de vezes que a Venezuela levou a coroa para casa. Nesse doc a gente entende, então, o motivo disso acontecer com certa frequência e como as pessoas desse país levam a sério concursos de beleza. Dá quase uma  sensação de embrulhamento no estômago o quanto isso "tá errado", já que essas meninas são levadas a fazerem inúmeras intervenções cirúrgicas, competirem por patrocínio, emagrecerem absurdamente, entre outras situações, que eu vou deixar vocês verem para saberem.

04 - The Hunting Ground


Sobre o que é? Esse doc aborda como as universidades norte-americanas tem acobertado crimes sexuais que acontecem em seus campi, de modo a fingir que eles não acontecem e muitas vezes tomando o lado do agressor, ao invés de defender a vítima. 
O que se destaca? Não apenas a música de Lady Gaga, Till it happens to you, mas a forma como dados se misturam como relatos e a luta dessas moças para que os crimes sexuais sejam publicamente reconhecidos e combatidos. O documentário mostra uma extensa pesquisa e tem por objetivo chocar e espantar com a nossa suposta ideia de que está tudo bem nesses lugares, ou que eles são, realmente, um antro de perdição. 

03 - Audrie & Daisie


Sobre o que é? Retaliação online, ciberbulling e abuso sexual. Nesse documentário conhecemos várias histórias de adolescentes que sofreram algum tipo de abuso relacionado ao sexo e que, ao se defenderem, foram rechaçadas por colegas de escola e até a própria comunidade que vivem. 
O que se destaca? Se alguém ainda tem dúvidas de que existe a cultura do estupro, deve ver esse doc, porque ele discute isso de modo amplo, sem extremismos e com uma perspectiva que tenta não fazer uma exposição exagerada, nem das vítimas e nem dos envolvidos. 

02 - Amanda Knox


Sobre o que é? Um crime que chocou a Itália (e o mundo) nos anos 90 e foi confusamente resolvido, indiciou Amanda Knox como culpada. A moça, então, foi inocentada e depois indiciada novamente, só para ser inocentada de novo. Cheio de confusões e bifurcações, a morte de Meredith ainda permanece um mistério, de modo que muitos ainda acreditam que Amanda teve algo a ver com o acontecido.
O que se destaca? Os depoimentos e cenas de arquivo do caso vão se entrelaçado, de modo que temos uma montagem de um caso de assassinato que não se manteve em sigilo durante a investigação policial, apenas, mas que envolveu civis, anônimos, profissionais da mídia e até a gente, que lá pelas tantas começa a pensar sobre o que poderia ter acontecido naquela noite. Respostas não são entregadas de bandeja e em alguns momentos o ritmo do filme lembrou o clássico documentário The Thin Blue Line (1988), onde são apresentadas várias versões e várias intenções, de modo que somos nós que elencamos as ideias.

01 - A um passo do Estrelato


Sobre o que é? Ganhador do Oscar de Documentário em Longa Metragem de 2014, esse filme investiga sobre o mundo dos Backing Vocals. Mulheres e Homens que trabalham com grandes artistas conhecidos e idolatrados, mas que, muitas vezes, não conseguem o estrelato para si, ou mesmo não o querem. 
O que se destaca? Recheado de momentos musicais, somos inseridos em um mundo "desconhecido", mas que carrega grandes artistas, muitos deles responsáveis por uma musicalidade de uma época, ou mesmo que ditam o ritmo dos cantores e bandas que eles trabalham. Também é interessante perceber como nós os reconhecemos de alguma forma, mesmo que não seja de maneira direta.

Gostou da primeira lista da série? Tem algum Doc para indicar? Deixa um comentário!

Share:

0 Falas

Mesa de Café da Manhã. Tecnologia do Blogger.