Era uma vez...outra vez

Era uma vez um homem que se sentia muito solitário. Tinha ficado viúvo muito novo e então cada vez que criava alguma peça de madeira do seu trabalho de carpintaria, colocava muito amor. Especialmente uma peça criada a partir de um troco de pinheiro. Um boneco de madeira, com a forma de um menino. Sem filhos, o menino era a sua única companhia e vendo o carinho que o homem tinha com o boneco, uma fada se encheu de compaixão e deu vida ao boneco com a condição de que ele se comportasse e não mentisse, pois caso contrário não se transformaria em um menino de verdade e seu nariz cresceria e cresceria. Para que ele se comportasse, a fada colocou um grilo falante para ser a consciência do menino...

Com esse pontapé inicial, a peça de teatro "Encantados S.A" começa trazendo para todas as idades uma das histórias mais queridas de todo o mundo, sob uma releitura dinâmica, inteligente e que se deixa atualizar a cada nova montagem. Como a que aconteceu na última semana em Belém, sob a ótima direção de Bárbara Gibson, que também é autora da peça juntamente com Haroldo França. 
Em seu terceiro ano, "Encantados S.A" conquista pela sua história simples, porém cativante e de linguagem fácil, conseguindo dialogar com todos os públicos e arrancar muitas risadas de todos os espectadores. Com um roteiro bem amarrado, porém passível de atualizações (como referências a novelas e músicas atuais) a peça de teatro supreende com bons trocadilhos (como um pequeno príncipe literalmente pequeno, uma Jasmine duvidosa e um fado presidente) e claro, excelentes atores, que regem a história habilmente.
Seguindo numa espécie de "sequência" da história de Pinóquio, a peça conta como a vida do pequeno Noque muda, ao descobrir uma organização secreta de seres encantados, a OSSEAPEPROFOSOE - Organização Secreta dos Seres Encantados Aliados pela Proteção da Fantasia ou Simplesmente Encantados. Segundo Haroldo França a peça é especialmente querida aos adultos, pois "É uma metáfora do crescimento, uma homenagem às crianças que todos já fomos, e que de alguma forma ainda somos. O espetáculo tem um humor incrível e é especial.".
Infelizmente a temporada acabou, mas com certeza no ano que vem ela virá novamente, com muita novidade e, principalmente, muitas risadas. Para quem ficou orfão da peça, fale com a madrasta.

Share:

0 Falas

Mesa de Café da Manhã. Tecnologia do Blogger.