Canoando


Nao sei se ja aconteceu com voces, mas comigo está acontecendo e me deixa extremamente desconcertada. Simplesmente por nao ser quem eu sou, ou melhro, nao parecer com algo que eu faria. O que? Me tornar canoa!
Para aqueles que nao tem familiaridade com o termo, eu explico: tornar-se canoa, significa ficar flutuando por alguem, ou seja, é algum lugar entre ficar apaixonado e ter uma atraçao extremamente forte por alguem.
Eu fico desconcertada, nao so por que é esquisito e novo para mim, mas também por que eu nao tenho noçao de como me comportar perante a isso. Digo isso, por que eu cheguei ao ponto de me pegar metade da semana completamente afim e o resto da semana tentando esquecer.
Nao sei se parece confuso, acho que parece, mas é como eu me sinto e tenho certeza que um ou outro dos que me leem sentiram-se dessa maneira alguma vez.
Sou o tipo de pessoa que nao tem relacionamento serio, e nem procura ainda por isso. Preso a minha liberdade mais do que tudo e respeito a do outro, mesmo que isso signifique terminar sozinha de alguma maneira. Eu cheguei a conclusao de que preciso ser eu mesma e amar a pessoa que me tornei para depois amar uma outra pessoa, mas, tambem cheguei a conclusao de que eu tenho um certo medo de me apaixonar.
Parece que eu sempre olho para o meu coraçao de lado, como se ele nao fosse algo positivo e sim um impecilho. E é ai que eu sempre caio em contradiçao, ja que tambem sonho com um amor que me tire completamente o folego...
Gente, é complicado de mais?

Share:

5 Falas

Mesa de Café da Manhã. Tecnologia do Blogger.