Is this love, Juliet?


A distância faz ao amor aquilo que o vento faz ao fogo: apaga o pequeno, inflama o grande (desconheço o nome do autor)
Nao sei o q é, mas a verdade é q está mexendo comigo.
Nao é qlqr coisa, mas tmb nao eh tudo no mundo. De alguma maneira eu ainda acho que pode virar tudo que eu preciso.
A verdade é que aconteceu de maneira inesperada, e se é realmente uma paixao que está surgindo, eu soh nao qro ficar me iludindo...
Eu fico pensando que talvez eu seja uma idiota por qrer tanto amar e ser amada, mas ja levei tanta pancada q a minha impressao de tudo isso ficou bem cetica.
O medo vive em mim, me habita de maneira estupida, e tenta, de toda maneira me encerrar em uma chama q oxigena e queima mais, e de repente eu posso ter achado o balde d'agua...qm sab?!
MEsmo que isso soe esquisito, infantil e sonhador de mais, eu m sinto bem, me sinto com saudades constantes e me pego pensando nele, mesmo que nao ache que a paixao seja so isso, acho que isso faz parte da paixao, e se de fato estou me apaixonando, soh nao quero me machucar toda.
Nao posso mais me machucar com essas coisas.
Nao posso mais ouvir q nao sou boa suficiente, muito menos ouvir que sou substituta...que nao faço parte das prioridades, e que nao sou amada.
Quebrar a cara mais uma vez seria demais para mim, e mesmo assim, me vejo congitando piamente a possibilidade de mergulhar tao profundamente nisso que me deixa sem escolha a nao ser, colocar um sorriso de segurança, mergulhar o melhor possivel e expressar o qnto tenho medo.
Morro de medo.
Mas de repente, só de repente voce pode ser exatamente o q eu preciso...e essa Julieta pode, de repente, nao te mandar ficar longe...(mesmo estando longe), e sim t mandar ficar mais perto, cada vez mais perto...
Deixo voces com um poema lindissimo que eu achei na net.
Depois das cinzas... Uma nova paixão
Pra que assim a vida volte a ter sentido
Que venha aliviar as dores do coração
Que por um falso amor deixou-se ser iludido

Quando a gente se encontra assim perdido
E não entende sequer qual foi a razão
Depois das cinzas... Uma nova paixão
Pra que assim a vida volte a ter sentido

Tudo o que se precisa é uma nova emoção
Pra que o passado possa então ser esquecido
E para que depois não se amargue na solidão
Deixando cruelmente o amor ser oprimido
Depois das cinzas... Uma nova paixão

Marcelo Bancalero


Share:

0 Falas

Mesa de Café da Manhã. Tecnologia do Blogger.